Áreas de atuação da profissão

Para o exercício da MT é importante que o profissional tenha uma boa formação em clínica médica e que domine os conceitos e as ferramentas da saúde pública. Além disto, o médico deve estar sintonizado com os acontecimentos do mundo do trabalho em seus aspectos sociológicos, políticos, tecnológicos, demográficos, entre outros.

O campo de atuação da especialidade é amplo, extrapolando o âmbito tradicional da prática médica. De modo esquemático, pode-se dizer que é preferencialmente exercido: nos espaços do trabalho ou da produção (as empresas), como empregado nos Serviços Especializados de Engenharia de Segurança e de Medicina do Trabalho (SESMAT), como prestador de serviços técnicos, para a elaboração do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) ou de consultoria:

– Na rede pública de serviços de saúde e no desenvolvimento das ações de saúde do trabalhador.
– Na assessoria sindical em saúde do trabalhador, nas organizações de trabalhadores e de empregadores;
– Na Perícia Médica da Previdência Social, enquanto seguradora do Acidente do Trabalho (SAT);
– Na atuação junto ao sistema judiciário como perito judicial em processos trabalhistas, ações cíveis e ações da promotoria pública;
– Na atividade docente e na formação e capacitação profissional;
– Na atividade de investigação no campo das relações entre saúde e trabalho;
– E em consultoria privada no campo da SST.

FONTE: ANAMT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *